Cinco empresas recebem o selo SPFW AMA no Piauí

Cinco empresas recebem o selo SPFW AMA no Piauí

Marcas eleitas poderão identificar as criações escolhidas em suas lojas e plataformas de comunicação gerando mais visibilidade e direcionando o olhar do consumidor para peças reconhecidas por curadores especialistas

O selo ‘SPFW Ama’ foi criado e aplicado em 2017, a partir do convênio Contextualizar na Moda III, firmado entre o Sebrae e o IN-MOD Instituto Nacional de Moda e Design que reconhece criações de micro e pequenas marcas de moda e design brasileiras que se destacam pela identidade, originalidade, design, qualidade e inovação na proposta criativa e desenvolvimento de materiais. Desde o seu lançamento cerca de 30 produtos foram reconhecidos nos estados do Pará, Rio Grande do Norte, Alagoas, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina.

O anúncio das empresas selecionadas é feito durante o SPFW Day, evento voltado para micro e pequenas empresas de moda e design e integra uma série de ações com foco no desenvolvimento sustentável a médio e longo prazo. A ideia é gerar reflexão sobre a produção local das marcas e criar visibilidade para as potências de cada região.

Este ano, no planejamento do projeto, o selo ‘SPFW Ama’ escolheu as cidades de Teresina (PI), Belo Horizonte (MG) e Brasília (DF). No Piauí, as marcas selecionadas e que receberam o selo AMA foram: Deura, Georgina Nogueira, Mahiara Brandão, Marinna Dias e ZokaBizoka. As marcas eleitas podem identificar as criações escolhidas com o selo SPFW AMA em suas lojas e plataformas de comunicação gerando mais visibilidade e direcionando o olhar do consumidor para peças reconhecidas por curadores especialistas.

“O contato direto com pesquisas de tendências de mercado e experiências de estilistas e marcas de alto valor agregado são ativos que sempre colaboram no aprimoramento da gestão de negócios”, comenta Graça Cabral, consultora do Instituto Nacional de Moda e Design.

Conheça os produtos selecionados:

Deura – flatform com mix de técnicas artesanais

Carro chefe da marca, as rasteiras e as flatforms com cabedais e fachetes artesanais mostram originalidade a partir de códigos da diversidade brasileira, destacando elementos exuberantes e técnicas artesanais como crochês, macramês, passamanarias, cordões, miçangas, elementos e texturas rusticas, que criam peças jovens e contemporâneas de estética camp.

Georgina Nogueira – saia de renda de bilro

A partir de conceitos de economia afetiva, a marca resgata o valor dos saberes e fazeres tradicionais, estabelecendo um compromisso com a comunidade de rendeiras locais num processo de slow fashion.

Mahiara Brandão – colar em prata

Com design autoral e alta qualidade técnica, a marca desenvolve uma joalheria emocional em peças que contam histórias com identidade local e apelo global. A peça selecionada foi inspirada no rei do baião, Luiz Gonzaga, reproduzindo os desenhos dos gibões nordestinos.

Marinna Dias – vestido com estampa pintada à mão

Moda atemporal de qualidade traduzida em estampas exclusivas pintadas à mão assinadas pela avó da estilista, agregando valor à marca em peças únicas e numeradas.

ZokaBizoka – body com alças de macramê  

Uma peça clássica com pequenos diferenciais que agregam estilo e praticidade para uma mulher contemporânea, valorizando o trabalho artesanal e preservando o DNA da marca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *